Dezembro 14, 2012 03:25 PM

Declaração sobre a decisão do Eurogrupo de 27 de Novembro

A 27 de Novembro, o Conselho dos Ministros das Finanças da Zona Euro anunciou a sua decisão sobre a dívida pública grega. Esta decisão, mortal para a situação fiscal grega, destrói a vida das pessoas, ao colocar os interesses dos credores muito acima dos interesses dos próprios Gregos. Esta decisão, alegadamente, corta a dívida grega em 40 mil milhões de euros, baixando os juros, aumentando os prazos para pagamento, como ainda providenciando um esquema de recompra da dívida e também de prolongamento das maturidades do empréstimo.

Declaração sobre a decisão do Eurogrupo de 27 de Novembro

Dezembro 12, 2012 02:37 AM

Helena Smith | The Guardian | 9 de Dezembro de 2012

Alex Tsipras, dirigente do Syriza, afirma que a única solução viável para a crise da dívida é um «haircut[1] para a Grécia e toda a periferia sul».

Passadas poucas semanas do anúncio do terceiro (em três anos) plano da UE e do FMI para salvar a Grécia da bancarrota, o partido mais popular do país (que representa a oposição radical de esquerda) apelou à realização de uma conferência europeia sobre a dívida. O objectivo é encontrar «finalmente» uma solução para a crise, que, para o Syriza, está longe de estar a ser resolvida.

Helena Smith | The Guardian | 9 de Dezembro de 2012

Alex Tsipras, dirigente do Syriza, afirma que a única solução viável para a crise da dívida é um «haircut[1] para a Grécia e toda a periferia sul».

Dezembro 3, 2012 11:28 PM

Rafael Correa chegou ontem à tarde à Universidade Pablo de Olavide, em Sevilha, onde era aguardado por uma multidão de pessoas. Veio explicar como tinha o Equador saído da crise da sua dívida ou, como ele próprio chamou, da «longa noite neoliberal» na qual afundaram o país na década de noventa: a ação conjunta de banqueiros insaciáveis, políticos corruptos e governos cegamente obedientes às medidas desreguladoras do Fundo Monetário Internacional e do Banco Mundial.

Outubro 16, 2012 11:49 PM

De acordo com o Livro Verde da Comissão Europeia (COM327/2004), uma PPP pode ser definida como sendo “a forma de cooperação entre as autoridades públicas e as empresas, tendo por objetivo assegurar o financiamento, a construção, a renovação, a gestão ou a manutenção de uma infraestrutura ou a prestação de um serviço”.